OKRs são um acrônimo para os Objectives and Key-Results. O Objetivo é uma meta qualitativa e aspiracional. Os Key-Results são metas S.M.A.R.T., baseadas em indicadores específicos que mostram que devem “provar” o atendimento do objetivo.

Alguns especialistas usam uma declaração muito simples:

"Quero ________________, e saberemos se atingimos essa meta por meio dos seguintes indicadores:  _________, __________, e _________."


O primeiro espaço é preenchido por seu Objetivo, e o segundo ao quarto são preenchidos pelas Key-Results.

Vamos usar um exemplo para ilustrar a nossa definição:

Objetivo

  • Crescer a receita da empresa

Estabelecido o Objetivo, agora vamos ao(s) key-result(s) que nos dirão se batemos ou não nossa meta. Key-results devem ser sempre que possível baseados em KPIs/indicadores. No caso acima, o KPI óbvio a ser usado é a receita. Nesse caso nosso key-result pode ser:

  • Receita acumulada no trimestre de R$ 200 milhões

Outra possibilidade seria usar o KPI de aumento de receita (ou crescimento), caso este em que nosso key-result pode ser:

  • Crescimento de receita, trimestre/trimestre, de 50%

Fez sentido? Nos dois casos, estamos medindo o crescimento da empresa, mas usamos dois indicadores diferentes (receita e crescimento de receita) para medi-lo.

Encontrou sua resposta?